Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2015

O marciano maltrapilho / conto

Imagem
O maltrapilho se esticava no banco da praça , embrulhado nos cartazes dos seus dizeres políticos que lhe cobriam o corpo, rotina inconveniente que incomodava os moradores da cidade, pois eram desacostumados com a miséria, entretanto o mendigo da praça se manifesta sem pudores com suas flatulências amarelas, provocando os evangélicos marxistas que com sua bíblia debaixo do braço sentem dó do pobre homem que não toma sopa, porém ele dizia, tudo pela revolução, justificava ele, vocês só fazem reformas, nunca tem a coragem da revolução, eu não tomo sopa, mas vocês também não leem sua cartilha, desde quando sovaco lê a bíblia, e se ofende a tiazinha que contra-ataca, aceita Jesus, aceita Jesus, meu filho, que ele lhe dá a sua prole: uma família, e agora é o mendigo que se ofende, filhos, para herdarem o dízimo, obrigação de sindicato, a dita igreja do trabalho, não, nunca, aliás que categoria de trabalhador esse tal Jesus representa, ele nem está dentro das firmas como deveria, vive longe…